Em tempos de discussão sobre a ampliação de ciclovias nas cidades, da redução do número de carros no trânsito e da necessidade de controlar a emissão de CO2 na atmosfera, nada mais pertinente do que considerar o transporte público como a tendência para o futuro. Além de trazer vários benefícios para os centros urbanos, o transporte público também pode representar uma boa solução econômica para seus cidadãos. Então, fizemos este post pra te apresentar ótimos motivos porque o transporte coletivo é sinônimo de futuro e benefício. Confira!

Bus flat icon

Ampliação do transporte público e o problema dos congestionamentos

Um problema que todos os grandes centros urbanos enfrentam em seu cotidiano é a necessidade de diminuir congestionamentos. A mobilidade urbana tem se tornado imprescindível para o bom funcionamento de qualquer cidade, na medida em que esses centros estão cada vez mais populosos e cheios de carros. Nesse cenário, a ampliação do acesso a transporte público é fundamental para tirar carros particulares da rua. Quanto maior a quantidade de linhas de ônibus, de trem e metrô, menor a quantidade de carros em circulação.

A necessidade de reduzir a poluição atmosférica

Um dos grandes responsáveis pelo aquecimento global atualmente é a emissão de gás carbônico por veículos automotores. Ônibus e outros meios de transporte público também entram nessa conta, mas possuem uma eficiência muito maior em termos de número de passageiros. Por isso, a preferência pelo transporte público em vez de motos e carros individuais é essencial para reduzir a poluição atmosférica e o aquecimento global. Essa poluição também contribui para o aumento de incidência de doenças respiratórias

Economia para o bolso do cidadão

Transporte público também representa economia para as finanças domésticas. Você já colocou na ponta do lápis todos os gastos que tem com a compra e manutenção do carro próprio? IPVA, seguro obrigatório, seguro privado, combustível, estacionamento e visitas regulares à oficina são apenas alguns desses gastos. Se você fizer um estudo comparativo, com certeza chegará à conclusão de que o transporte público vale mais a pena para o bolso de sua família, apesar do conforto de ter um carro na garagem.

Direcionando o desenvolvimento imobiliário urbano

Regiões bem atendidas por transporte público são mais valorizadas no mercado imobiliário. Acesso a metrô e diversas linhas de ônibus são hoje aspectos muito procurados por proprietários e locadores de imóveis em grandes centros urbanos. Por isso mesmo, as políticas públicas mais sofisticadas atualmente têm encarado o desenvolvimento urbano de transporte público também como política de desenvolvimento imobiliário.

Transporte público também contribui para a melhoria da saúde da população

O aumento do uso de transporte público nas grandes cidades está diretamente relacionado à redução da emissão de CO2 na atmosfera. Isso contribui para a diminuição de doenças respiratórias, como foi dito anteriormente. Além disso, tendo em vista que normalmente as pessoas caminham até as estações de metrô e pontos de ônibus, o transporte público também reduz taxas de obesidade. Quando essas mesmas pessoas utilizam o carro para se locomover, acabam fazendo um trajeto porta a porta com o veículo, sem praticamente caminhar nesse período. Isso aumenta o sedentarismo e a incidência de doenças como pressão alta, diabetes e osteoporose.

Como se pode perceber, a necessidade de valorização do transporte público veio para ficar. Você tem ainda alguma dúvida sobre esse tema? Compartilhe com a gente aqui nos comentários!